Agora no Portal

Polícia mexicana encontra onze bolsas com restos humanos


Um total de 11 bolsas com restos humanos foram encontradas na madrugada desta segunda-feira na Cidade do México, informaram fontes oficiais que investigam o crime.

As autoridades não determinaram quantos cadáveres haviam dentro das bolsas, enquanto vários meios de comunicação indicaram se tratar de duas pessoas.

A descoberta macabra, incomum na capital mexicana, ocorreu na área aduaneira de uma zona ferroviária de Azcapotzalco (norte da capital).

Na madrugada, a polícia relatou "a descoberta de 11 sacos (...) que apresentavam manchas de sangue e alguns estavam amarrados", informou o ministério da Segurança Pública da Cidade do México à AFP por e-mail.

Já uma fonte da procuradoria confirmou à AFP que restos humanos foram encontrados nos sacos.

"Iniciamos uma investigação preliminar juntamente com a Procuradoria-Geral", indicou a fonte, que pediu anonimato.

Segundo o jornal El Universal, os sacos continham os corpos de dois homens tatuados. Um agente de segurança teria visto "alguém em um táxi jogar os sacos" entre os vãos dos vagões de dois trens, segundo o jornal.

Os pistoleiros de cartéis de drogas no México muitas vezes assassinam e esquartejam suas vítimas, deixando seus restos em valas comuns. Tais eventos são comuns no campo, mas raramente ocorrem na capital.