Agora no Portal

Estudante de Direito acusado de liderar quadrilha em Feira de Santana

Policiais do Serviço de Investigação da Coordenadoria da Polícia Civil de Feira de Santana, sob o comando do coordenador Ricardo Brito, desarticularam uma quadrilha de traficantes de drogas e homicidas, na noite de ontem (16). Os integrantes foram identificados como: Marcelo Pinheiro dos Santos, conhecido como “Marcelo da Velha”, 29 anos; Marcelo Alves, 22, morador da Pedra Ferrada; Edvaldo Azevedo de Souza, o Gast, 25, morador do Nova Esperança; Erica Queiroz dos Santos; Silvana de Jesus e Elielton Pinheiro, 20.

Com eles, os policiais encontraram: 5Kg de maconha; 01 Pistola Calibre Ponto 40; 01 Pistola 380; 01 Revólver 38; 01 Taco de Beisebol, além de um material que os mesmos praticavam tiro ao alvo e dois veículos.

O coordenador Ricardo Brito afirmou que a quadrilha agia no bairro Queimadinha. “Estamos investigando essa quadrilha que é liderada por Marcelo da Velha há meses e com a prisão do mesmo feita por policiais militares nos ajudou a desarticular a quadrilha”, frisou o delegado.



Estudante de Direito


Segundo a polícia, Marcelo Alves, é estudante de direito de uma faculdade particular de Feira de Santana, onde está cursando o 8º Semestre. Ainda de acordo com a investigação, Marcelo Alves é suspeito de matar o funcionário da Jacuípe Veículo, identificado como Márcio, que foi assassinado no ano passado na avenida Maria Quitéria, na frente da escola São João da Escócia.

A investigação aponta que Marcelo teria matado Márcio porque o mesmo estava namorando com a ex-namorada dele. Na delegacia, Marcelo afirmou para reportagem que não praticou nenhum homicídio.Marcelo da Velha afirmou ainda para reportagem que, apenas ele e Gast que é proprietário das armas e das drogas e que Marcelo Alves, Elielton a as duas mulheres não tem nenhum envolvimento.

As informações e fotos são do Folha do Estado.